Receitas mais recentes

CafTea: onde o café e o chá se encontram em Porto Rico

CafTea: onde o café e o chá se encontram em Porto Rico

O histórico Old San Juan colonial de Porto Rico oferece inúmeras experiências com bebidas: fabricação de Mojito no Airenumo, degustação de rum no Don Q Rum Museum e passeios pela Old Harbor Brewery. Embora valha a pena, minha descoberta mais fascinante ao explorar esta área foi uma cafeteria de Porto Rico chamada PR Tea Co., já que a empresa é a criadora de uma bebida inteligente que combina café e chá em uma xícara.

O grande sonho de um homem

PR Tea Co. nasceu em 28 de agosto de 2009, com $ 140 em folhas soltas de chá. O principal problema no início foi fazer com que os investidores apoiassem a ideia, já que a maioria não acreditava que chá era algo em que os porto-riquenhos estariam interessados, especialmente com uma cultura de café local tão rica.

“Naquele momento eu sabia, 'nessa luta estou sozinho e contra todos'”, explica Ricardo Torres, fundador da PR Tea Co. “No fundo, eu sabia que eles estavam errados. A PR Tea Co. não é a minha chá da avó. Este é um chá gourmet. Além disso, eu não desistiria tão facilmente. "

Então, um dia, Torres recebeu um sinal. Ele estava lendo o jornal e viu um anúncio de um concurso de planos de negócios, com o prêmio de um prédio comercial. Apesar de não ter experiência na criação de planos de negócios, Torres sabia que venceria a competição. E, no mesmo dia em que nasceu sua filha Camila, ele recebeu um telefonema do banco local dizendo que havia vencido o concurso. Embora a PR Tea Co. precisasse de muito mais ajuda para decolar, este foi um grande começo.

“Usamos madeira reciclada, compramos equipamentos usados ​​em leilões e até alugamos uma máquina de café”, conta Torres. "O dinheiro estava apertado, então eu tive que fazer todo o trabalho em madeira sozinho. Eu não sabia nada sobre marcenaria, então usei o Google para me ensinar. A mesma coisa com o site e o design gráfico. O que realmente me ajudou foi pensando positivo, apesar das dúvidas dos outros. "

O Nascimento de CafTea

Depois de muitos solavancos ao longo do caminho, a PR Tea Co. finalmente deu frutos, assim como o inovador produto CafTea. Enquanto a maioria dos porto-riquenhos bebe café, Torres era uma criança muito hiperativa e sua mãe lhe dava chá para acalmá-lo. Essa educação o levou a querer preencher a lacuna entre os bebedores de café e chá e criar algo que pudesse agradar a ambos os lados. Por causa das limitações do mercado, Torres acreditava que precisaria que a bebida fosse mais uma bebida de café, com uma pequena influência de chá; no entanto, depois de uma conversa com uma amiga, uma ex-Miss Universo de Aruba, ela deu a ele a resposta que ele estava procurando.

"Por que você não faz as misturas de chá e café de que sempre fala?" ela afirmou, simplesmente, mas certamente.

E aí, depois de uma breve conversa, nasceu o CafTea.

A solução inovadora de cafeína é uma bebida artesanal quente que combina os benefícios do chá para a saúde com os sabores quentes do café 100 por cento arábica e adiciona especiarias naturais moídas à mão. Tal como acontece com todas as bebidas da empresa, sem sabores artificiais são adicionados e apenas os melhores ingredientes são usados. Quando a visito, Torres me mostra a fábrica, que na verdade é uma pequena cozinha com impressora e máquina de corte de caixas. Depois, ele me faz sentar para uma degustação da doce e espumosa Truffle CafTea de coco.

A bebida é feita em um copo de gotejamento, onde um saco biodegradável de CafTea é colocado sobre um copo e a água é despejada lentamente por cima para permitir que os sabores pinguem no copo sem grãos ou grãos. Além disso, o chá de folhas inteiras é colocado em uma peneira de chá com água quente derramada para um efeito semelhante. No Coconut Truffle CafTea em particular, o chá preto rico é misturado com grãos de cacau, coco torrado, honeybush orgânico e café 100% arábica porto-riquenho para uma bebida decadente. Para aprimorar a experiência, o barista cria obras de arte na parte superior espumosa, com rostos sorridentes, flores ou uma mensagem dizendo "Aproveite!".

Embora seja claro que você obtém os benefícios do chá e da estimulação do café para a saúde, outra razão para desfrutar de CafTea é, embora contenha cafeína suficiente para acordá-lo quando você estiver com falta de energia, tem 33 por cento menos cafeína do que o café normal . Isso significa que você tem menos probabilidade de ficar nervoso.

Uma bebida com significado

Se você comprar seu CafTea para uso doméstico, você ainda vai obtê-lo em embalagens sustentáveis ​​feitas com materiais de origem local. As caixas são feitas com papel reciclado e tinta ecológica, usando uma máquina que corta desenhos e cria caixas. Para Torres, descobrir essa máquina significou tudo para seu plano de negócios verde.

"Cada vez que ouço a cla cla daquela máquina cortando o papel, é como ouvir uma sinfonia", ele sorri. "Com a máquina, consegui me livrar de latas, stand up pouches e impressoras de etiquetas caras. Sem falar que não havia mais pesadelos tentando colar etiquetas corretamente nas bolsas!"

Olho atentamente para a embalagem de uma das caixas CafTea, notando que a imagem do logotipo é de El Coqui, um sapo que é o mascote oficial de Porto Rico, e El Morro, um forte na entrada do porto de San Juan.

“El Morro é meu lugar preferido para meditar. Um dos motivos pelos quais me mudei para a Velha San Juan foi para estar perto dele”, diz Torres, explicando a inspiração para o logotipo. "'El Coqui dorado' tem um significado próprio. Quando criei minha primeira máquina de café hidropônica, descobri depois de alguns dias que vivia nela um sapo coqui dorado. Eles são muito raros e já se acreditava que estavam extintos. Então, acrescentei o coqui enquanto ele estava meditando em El Morro como a arte principal da embalagem. Tudo tem um significado na minha embalagem e produto. ”

Enquanto estou bebendo meu café quente, uma mulher começa a cantar. Não consigo entender totalmente o que ela está dizendo, já que as palavras estão em espanhol, no entanto, ainda estou encantado com o som. Como parte da missão da PR Tea Co de proporcionar aos hóspedes uma experiência memorável, entretenimento ao vivo é fornecido em determinados dias da semana. Não estou apenas experimentando uma bebida gourmet, mas também uma herança local. Uma coisa é certa, os cafteas são tão únicos e saborosos quanto nossa cultura.

Além de oferecer CafTea - dos quais alguns sabores incluem Chocolate Chai, Toffee Hazlenut e French Vanilla Bean - a PR Tea Co. vende uma variedade de cafés artesanais e chás de folhas soltas medicinais, incluindo uma variedade de Smart Tea Wellness Infusions que supostamente tornar seu cérebro mais eficiente. Há também chás de frutas, branco, verde, vermelho, preto, oolong e de ervas, além de chimarrão. Estamos ansiosos para ver como a PR Tea Co. progride e se CafTea se torna uma nova opção de remédio de cafeína para os bebedores de café.

- Jessica Festa, Epicure e Cultura

Mais da Epicure & Culture:

Principais experiências com bebidas em Porto Rico

#FoodPorn: Jumbo Gambas al Chicaito na Ilha Vieques em Porto Rico

Uma introdução à cultura Kopi de Singapura

Como o café está ajudando a trazer paz mundial


Saboreando Old San Juan com tours gastronômicos de colher

As bananas verdes estão sendo esmagadas enquanto falamos, envoltas nos vibrantes amarelos, laranjas e vermelhos dos prédios que nos cercam, como Pablo Garcia, nosso guia - mais como um velho amigo que estamos visitando neste momento - explica por que o paralelepípedo sob nossos pés está brilhando com um leve azul metálico.

“São conhecidos como adoquines”, afirma. “Os tijolos vêm de Liverpool, na Inglaterra. Estas foram utilizadas de 1891 a 1895, sendo que as cores azuis se devem ao fato de serem feitas pela indústria de fundição de ferro.

“A meia polegada superior é escória de ferro fundida no topo”, acrescentou Garcia.

Fascinados, caminhamos com nossas cabeças inclinadas, tirando fotos dos tijolos revestidos de ferro enquanto caminhamos, antes de entrar em um restaurante aconchegante onde somos recebidos como uma família, de braços abertos e sorrisos calorosos.

O cheiro de banana frita enche a sala e, quando nos sentamos, somos presenteados com uma tigela de mofongo.

Este prato tradicional porto-riquenho começa com bananas verdes frescas que são esmagadas e fritas e, neste caso, cobertas com frango ao molho de creme de alho.

É o quarto prato que provamos até agora, mas de alguma forma, estamos com fome de mais e mal podemos esperar para comer.

Garcia, transmitindo sua profunda paixão pela culinária e pela história, tem esse efeito em você. Ele é o gerente de Spoon Food Tours, e estamos no Passeio em Old San Juan e degustação, perdido em suas explicações cativantes.


Colaboração do Bad Bunny & # 8217s adidas Forum Low Buckle “The First Café”

Bad Bunny está causando sucesso em todo o mundo. O artista porto-riquenho não só nos abençoou a todos com três álbuns em 2020 - YHLQMDLG, LAS QUE NO IBAN A SALIR e EL ULTIMO TOUR DEL MUNDO - ele também lançou Crocs para tamancos que brilham no escuro e se tornou o “Campeão da WWE 24/7”. E agora ele acaba de anunciar seu próximo adidas Forum Low “O primeiro café” colaboração.


Estamos muito felizes por você estar aqui!

Obrigado por inscrever-se! Você foi adicionado com sucesso à lista de e-mail de www.russianflora.com. Agora você pode aproveitar nossas promoções exclusivas, receber dicas divertidas e interessantes e ficar por dentro do que estamos fazendo. Garantiremos que você esteja atualizado sobre novos presentes, locais de entrega e serviços. Além disso, para agradecer por se inscrever, agora você pode usar o código do cupom WLC7 para economize $ 7 USD em seu primeiro pedido conosco.

Certifique-se de receber nossos boletins informativos e ofertas futuras reservando um momento para adicionar nosso endereço de e-mail [e-mail & # 160protegido] à sua lista de remetentes seguros. Você sempre pode cancelar a inscrição de forma fácil e segura clicando no link na parte inferior de qualquer um de nossos e-mails. Você pode estar se perguntando se suas informações estarão seguras. Fique tranquilo, valorizamos sua privacidade e nos esforçamos para proteger suas informações pessoais. Saiba mais sobre nossa política de privacidade aqui.

E agora é hora de se divertir um pouco. Vamos fazer compras!
Lembre-se de usar WLC7 para US $ 7 de desconto seu pedido.


CafTea: Onde Café e Chá Se Encontram em Porto Rico - Receitas

Visitamos inicialmente em um passeio de coquetel de San Juan e voltamos mais tarde na viagem devido às excelentes bebidas e funcionários simpáticos. Peça o Maverick! É um coquetel de rum com sabor local. A atmosfera é elegante e elegante. História interessante neste local também. Uma visita obrigatória!

9 - 13 do 323 avaliações

Nos últimos 10 anos, passamos várias noites no Carli's e sempre nos divertimos muito. O ambiente é tranquilo, elegante, elegante e um lugar perfeito para um jantar de ocasião especial. A equipe é tão atenciosa e maravilhosa. Há uma variedade de opções de comida e cada uma que experimentamos está deliciosa. Carli teve a gentileza de tocar / dedicar uma música para nós em nossos jantares de aniversário que jantamos lá muitas vezes, bem como nos apresentar a Coquito em nossa primeira vez lá. Nós apreciamos muitos restaurantes excelentes em OSJ, como Marmalade, Barrachina e muito mais, mas Carli's é uma parada obrigatória. É um lugar pequeno, então eu faria uma reserva só para ter certeza. DESFRUTAR!!

O restaurante pertence ao músico de jazz Carli Muñoz, ex Beach Boys. Ele joga aqui aos sábados. A comida é excelente. A música é, claro, no máximo. É um hangout local. Se você quiser conhecer os porto-riquenhos, sente-se no bar e você conhecerá muitos novos amigos.


CafTea: Onde Café e Chá Se Encontram em Porto Rico - Receitas

Meu amigo e eu jantamos aqui e foi muito bom. Eu tinha o glacê de frango e ela o ravióli de lagosta. Ambos estavam deliciosos! Excelente vinho e música ao vivo do tipo jazz foi um bônus. Os funcionários foram simpáticos e atenciosos. Altamente recomendado!

8 - 12 do 323 avaliações

Visitamos inicialmente em um passeio de coquetel de San Juan e voltamos mais tarde na viagem devido às excelentes bebidas e funcionários simpáticos. Peça o Maverick! É um coquetel de rum com sabor local. A atmosfera é elegante e elegante. História interessante neste local também. Uma visita obrigatória!

Nos últimos 10 anos, passamos várias noites no Carli's e sempre nos divertimos muito. O ambiente é tranquilo, elegante, elegante e um lugar perfeito para um jantar de ocasião especial. A equipe é tão atenciosa e maravilhosa. Há uma variedade de opções de comida e cada uma que experimentamos está deliciosa. Carli teve a gentileza de tocar / dedicar uma música para nós em nossos jantares de aniversário que jantamos lá muitas vezes, bem como nos apresentar a Coquito em nossa primeira vez lá. Nós apreciamos muitos restaurantes excelentes em OSJ, como Marmalade, Barrachina e muito mais, mas Carli's é uma parada obrigatória. É um lugar pequeno, então eu faria uma reserva só para ter certeza. DESFRUTAR!!

O restaurante pertence ao músico de jazz Carli Muñoz, ex Beach Boys. Ele joga aqui aos sábados. A comida dele é excelente. A música é, claro, no máximo. É um hangout local. Se você quiser conhecer os porto-riquenhos, sente-se no bar e você conhecerá muitos novos amigos.


Porto Rico rejeita acordo importante com credores para redução da dívida

SAN JUAN, Porto Rico (AP) - O governador de Porto Rico anunciou na terça-feira que um conselho de controle federal chegou a um acordo fundamental que reduziria a dívida geral do território dos EUA em quase 80%, mas que seu governo o está rejeitando em meio a preocupações com cortes na dívida da ilha sistema público de pensões em decadência.

O impasse entre o governador e um conselho que supervisiona as finanças de Porto Rico ameaça jogar no limbo as tentativas de encerrar um processo semelhante à falência de um governo que há seis anos declarou impagável sua dívida pública de mais de US $ 70 bilhões.

O acordo foi fechado com credores que detêm títulos de obrigações gerais e títulos da Autoridade de Construção Pública vendidos pelo governo de Porto Rico e resolveria US $ 35 bilhões em dívidas e reivindicações não relacionadas a dívidas, de acordo com o conselho. Também reduziria a dívida desses credores de US $ 18,8 bilhões para US $ 7,4 bilhões, uma redução de 61%, e proporcionaria a eles US $ 7,4 bilhões em títulos e US $ 7 bilhões em dinheiro, entre outras coisas.

O conselho disse que o acordo liberaria mais de US $ 300 milhões por ano para serviços do governo e que, em vez dos 30 centavos para cada dólar em impostos e taxas que o governo de Porto Rico arrecada que uma vez foram para os credores, seriam menos de 8 centavos .

“Isso colocará Porto Rico no caminho para encerrar a falência”, disse o presidente do conselho, David Skeel. “Achamos que este é um momento muito, muito importante na recuperação de Porto Rico.”

O governador Pedro Pierluisi discordou.

Ele disse em um comunicado que embora o acordo seja positivo em muitos aspectos para Porto Rico, seu governo não apóia o acordo que está programado para ser apresentado ao tribunal no mês que vem e requer a aprovação final de um juiz federal que supervisiona o processo semelhante a uma falência.

“O plano de reajuste não deve ser estruturado de forma que afete ainda mais nossos aposentados”, afirmou.

Pierluisi acrescentou que finalizar a reestruturação de uma parte da dívida de Porto Rico é uma prioridade para sua administração, mas não às custas dos aposentados: "Deixar o processo de falência para trás é um passo fundamental para a recuperação e o desenvolvimento econômico de nossa ilha."

Natalie Jaresko, a diretora executiva do conselho, disse que entendia as preocupações do governador, mas acrescentou que não quer pressupor o que pode acontecer no futuro e o que a falta de apoio de Pierluisi pode significar para os esforços de reestruturação da dívida.

“Tenho esperança de que, com o tempo, as pessoas vão entender que esta é provavelmente a resolução mais justa e verificável para sair da falência”, disse ela. “Com sorte, chegaremos a um consenso.”

Jaresko observou que mais de 70% das pensões não sofreriam cortes e que a maioria dos professores e policiais estão abaixo do limite de US $ 1.500. Ela acrescentou que o conselho também reservaria um fundo de reserva de pensão, uma vez que projeta déficits orçamentários nos próximos anos, e que o dinheiro do fundo não poderia ser usado para ajudar o governo a fazer face às despesas.

Porto Rico acumulou dívidas após décadas de má gestão, corrupção e endividamento excessivo para equilibrar orçamentos. Um ex-governador declarou impagável em 2015 e, dois anos depois, o governo entrou com a maior falência municipal dos EUA da história.

As autoridades agora estão reestruturando uma parte dessa dívida em meio a uma crise econômica de quase 15 anos que se agravou após o furacão Maria, uma série de fortes terremotos que atingiu um ano atrás e a pandemia em curso.

Os grupos de credores envolvidos no negócio detêm mais de US $ 11 bilhões em títulos. Aqueles que detêm mais de US $ 8 bilhões desses títulos disseram que se comprometeram de boa fé com o conselho para fornecer a Porto Rico a flexibilidade financeira de que precisa para se recuperar da pandemia.

“Este acordo amplamente apoiado ajudará Porto Rico a evitar anos de litígios dispendiosos e perturbadores e, finalmente, a acelerar a tão esperada saída da ilha da falência em 2021”, disseram eles em um comunicado.

O próximo passo é o tribunal realizar uma audiência onde os detalhes do plano serão fornecidos. A maioria dos obrigacionistas teria então de votar a favor do negócio para que fosse aprovado e, em seguida, uma audiência de confirmação seria realizada. Atualmente, 60% dos obrigacionistas apóiam o negócio.

O conselho disse que a mediação continua com os credores que detêm outros tipos de títulos, incluindo os do Employee Retirement System.

Tribunal de Cingapura congela US $ 3,5 bilhões de ativos de Lims de Hin Leong

6 Blue-Chips Passando por uma Transformação: Parte 2

Argumentos contra Contribuição Voluntária ao CPF

Cartões de crédito premium: o que oferece o melhor valor para aqueles que ganham alta renda?

Proposta dos EUA levanta esperanças de acordo fiscal mínimo global

Wild Knights derrotou Sungoliath por 31-26 na final da Top League

O ex-técnico dos Wallabies, Robbie Deans, guiou os Panasonic Wild Knights a uma vitória por 31-26 sobre os rivais perpétuos Suntory Sungoliath no domingo na final da Liga Japonesa de rugby. Sungoliath e os Wild Knights dividiram 10 títulos desde o início do torneio em 2003. Deans agora adicionou quatro títulos da Top League aos seus cinco títulos da Super League com os Crusaders de Christchurch.

UK & # x27s Neptune Energy planeja 7 bilhões de libras IPO - The Times

Laidlaw, que era ex-chefe da Centrica, está perto de nomear o JP Morgan para explorar opções para a Neptune, incluindo uma listagem ou venda a um rival, disse o relatório https://www.thetimes.co.uk/article/ex-centrica -chief-sam-laylaw-readies-gas-giant-neptune-for-7bn-float-hd56q3cnc. A Neptune Energy não respondeu imediatamente a um pedido de comentários da Reuters. Possui operações na Europa, Norte da África e região da Ásia-Pacífico, diz seu site.

Por que você não gosta deste anúncio?

De AnúnciosColoque uma bolsa no espelho do carro ao viajar

Brilliant Car Cleaning Hacks que os revendedores locais gostariam que você não soubesse

Jedward: Edward Grimes no hospital após emergência com "risco de vida"

Singer atualizou os fãs de sua cama de hospital após passar por uma cirurgia para remover seu apêndice

Kits Euro 2020: todas as camisetas em casa e fora de casa classificadas e avaliadas

As camisas de futebol da Euro 2020 foram classificadas da melhor à pior

Uma viagem à cidade traz para casa o que estamos passando ...

Uma viagem à cidade traz para casa o que estamos passando ... Também coloca o treinamento potty em foco "Claro, a capacidade das crianças de controlar seus intestinos é impressionante ..." Fotografia: Getty Images

Washington endurece postura para combater atrocidades na Etiópia

Washington endurece postura para combater atrocidades na Etiópia A administração de Joe Biden aumenta a pressão sobre o governo do primeiro-ministro Abiy Ahmed para acabar com os abusos dos direitos humanos, o primeiro-ministro etíope Abiy Ahmed. A OMS descreveu recentemente a situação em seu país como "horrível". Fotografia: Tiksa Negeri / Reuters

Do rio ao mar, judeus e árabes devem construir um futuro compartilhado

Do rio ao mar, judeus e árabes devem construir um futuro compartilhado. Cada lado neste conflito amargo precisa reconhecer os medos e aspirações do outro. Horizonte da Cidade Velha de Jerusalém, no Muro das Lamentações e no Monte do Templo. Fotografia: Sean Pavone / Alamy

Helen George enfrenta o esnobismo em audições sobre o papel de & # x27Chame a parteira & # x27, mas diz que o programa é & # x27 paraíso seguro & # x27 para atores femininos

A estrela do show & # x27s diz que muitas pessoas no ramo ainda o desprezam.

Jornalista de Bangladesh que critica a resposta ao vírus recebeu fiança

Uma importante jornalista de Bangladesh, crítica da resposta do governo à pandemia Covid-19, recebeu fiança no domingo, depois que sua detenção gerou vários protestos em todo o país.

Chelsea FC XI x Aston Villa: escalação prevista, notícias da equipe confirmadas, últimas atualizações sobre lesões hoje

Thomas Tuchel também confirmou que N’Golo Kante estará apto para a final da Liga dos Campeões - e ainda pode alinhar no Villa Park. O Chelsea sabe que a vitória garantirá o terceiro lugar, o que Tuchel admite que vai aliviar a pressão na final da Liga dos Campeões com o Manchester City na próxima semana.

COVID-19: 22 infecções locais entre 25 novos casos detectados

O Ministério da Saúde (MS) no domingo (23 de maio) confirmou a detecção de 25 novos casos de infecção por COVID-19 em Cingapura, elevando o número total de casos do país para 61.795.

Hollyoaks & # x27 Amy Conachan compartilha pensamentos sobre a história de Courtney e Sid

Courtney estrelou suas esperanças para o futuro da trama.

Revisão de lula - uma pipa krautrock pega em uma tempestade de rocha progressiva

Crítica do Squid - uma pipa krautrock pega em uma tempestade de rock progressivoThe Cornish Bank, FalmouthA eclética banda de Brighton lança um novo local em grande estilo na noite de abertura de sua tão esperada turnê ‘A gig! Um show! ': Squid no minúsculo palco de Cornish Bank, Falmouth. Fotografia: Fotografia de Brian Robinson

‘Ninguém acreditou que minha irmã estava em perigo’: como a raça deixa as mulheres abusadas em risco

'Ninguém acreditou que minha irmã estava em perigo': como a raça deixa mulheres abusadas em riscoPara impedir a matança doméstica de mulheres pertencentes a minorias, a polícia e as autoridades devem aprender a ouvir pedidos de ajuda - e agir sobre elesLeia mais: A epidemia de feminicídio no Reino Unido: quem está matando nossas filhas? A partir da esquerda: Banaz Mahmod, vítima do chamado "assassinato de honra" Avan Najmadiein, esfaqueado dezenas de vezes Quyen Nguyen, que foi torturado e queimado vivo. Fotografia: Polícia Metropolitana / Polícia de Northumbria / PA

Tyson Fury v Anthony Joshua adiado enquanto Fury se compromete a lutar em trilogia contra Deontay Wilder

Tyson Fury assinou seu contrato para lutar pela terceira vez Deontay Wilder, em defesa do título dos pesos pesados ​​do Conselho Mundial de Boxe para acontecer no dia 24 de julho em Las Vegas. O local, assim como o acordo de Wilder & # x27s, ainda não foram oficializados. Fury parecia em curso para encontrar Anthony Joshua pela coroa indiscutível dos pesos pesados ​​no final deste verão na Arábia Saudita, mas a luta mais rica da história do boxe britânico, com uma taxa de £ 107 milhões sendo oferecida pelo país anfitrião, desabou há uma semana quando um o juiz nos Estados Unidos decidiu que Wilder tinha o direito contratual a um terceiro concurso com o & # x27Gypsy King & # x27. Fury, que ganhou o cinturão WBC de Wilder por paralisação na sétima rodada em Las Vegas 15 meses atrás, estava presente no promotor Bob Arum & # x27s Top Rank evento em Las Vegas na noite de sábado, no qual o escocês Josh Taylor reivindicou o título indiscutível dos superleves com vitória sobre Jose Ramirez. Fury assinou seu contrato de luta em público no evento. Fury prometeu que Wilder seria & curiosamente despedaçado & quot. Fury disse. "Eu" vou causar outra lesão no ombro, uma lesão no bíceps. Uma rodada, você está indo. Eu tenho sua alma, seu mojo, tudo. Eu possuo você. & Quot Joshua, entretanto, é totalmente esperado para defender os cintos IBF, WBA e WBO contra o ex-campeão cruiserweight indiscutível Oleksandr Usyk em agosto. Se Joshua e Fury vencerem suas respectivas disputas, ambos os lados disseram que as negociações para a luta serão retomadas e que o evento de grande sucesso ainda pode prosseguir em 2021. Arum disse ao Telegraph Sport que uma mesa redonda de cotas com todas as partes & quot seria o caminho a seguir para obter o luta pela linha. Mas duas lutas permanecem assim. “[Fury-Wilder III] indo em frente,” disse Arum ao Telegraph Sport. “Todo mundo está em lugares diferentes. É um documento de duas páginas porque temos os termos do acordo anterior. Todos concordaram. A assinatura será finalizada hoje [sábado] e na minha opinião o negócio está fechado. ” Arum admitiu que a decisão da arbitragem do juiz aposentado Daniel Weinstein foi um & quotshocking momento & quot. “Sim, completamente, eu estava absolutamente em estado de choque. Mas ouça, eu também não sou advogado e acredito que nossa posição era cristalina e que o contrato havia expirado. Mas se você está assistindo a um jogo de beisebol e o arremessador joga a bola e o árbitro chama de strike, o arremesso é um strike. Mesmo que seja realmente uma bola, deveria ser chamada de bola. É isso. O árbitro olhou para isso de forma diferente da nossa, e chegou a uma conclusão diferente e decidiu da maneira que ele fez. É isso. Você não pode simplesmente dizer chore para o céu. & quotA decisão está tomada e você procede de acordo com a decisão. É uma coisa básica. Devíamos ter vencido o caso? sim. Ganhamos o caso? Não. Portanto, você deve prosseguir com esse conjunto de fatos. ” Arum acredita que Fury derrotará Wilder. “Ele sabe que a melhor maneira de lutar contra Wilder é levá-lo até ele & quot. O promotor espera que as negociações de luta de Josué comecem novamente em agosto. “Então, eu acho mais encorajador que será em um mundo e uma situação onde cobiça está no espelho retrovisor. E essa luta pertence, não me importa qual seja o dinheiro, no Reino Unido. Digamos em novembro ou dezembro em Cardiff, que tem uma grande arena coberta. Isso seria tremendo, inacreditável. Não estou descartando a Arábia Saudita, não estou descartando nada. Mas há algo poético sobre a maior luta da história britânica ocorrendo no Reino Unido. ”

Eurovisão 2021: Os espectadores reagem à pontuação "dura" e "hilária" de zero pontos no Reino Unido

A atuação de James Newman em ‘Embers’ veio por último na noite

Arsenal FC vs Brighton: previsão, hora de início, TV, transmissão ao vivo, notícias da equipe, escalações, resultados h2h, probabilidades

O Arsenal continua em busca do futebol europeu no confronto com o Brighton no último dia da temporada da Premier League. A campanha de 2020/21 tem sido de altos e baixos para o Arsenal - principalmente baixos, se formos brutalmente honestos - mas os Gunners estão em boa forma ultimamente, apesar de sua decepção nas semifinais da Liga Europa, e parecem estar se despedindo em alta. O Arsenal enfrenta a perspectiva de não jogar na Europa pela primeira vez em 25 anos, mas se classificará para a nova Europa Conference League se vencer o Brighton e o Tottenham e o Everton não conseguirem vencer no domingo.

Live at Worthy Farm de Glastonbury, crítica: o festival Livestreamed foi um triunfo - apesar de seus problemas técnicos

A maioria dos Glastonburys envolve correr para pegar um convidado secreto que você ouviu que seria Taylor Swift, mas acabou sendo Thom Yorke forçando cenouras através de uma trituradora de papel, e este não foi exceção


Nosso time

Mardiks Public Relations é uma colaboração de algumas das melhores e mais brilhantes mentes em relações públicas de viagens. Somos uma equipe altamente conectada de especialistas em comunicações de marketing de viagens, turismo e estilo de vida, selecionados a dedo para cada cliente individual.

Os clientes recebem atenção sênior individualizada e prática e não estão vinculados a uma estrutura rígida e os custos associados. Também oferecemos membros da equipe com expertise de nicho especializado em comida / vinho e bebidas espirituosas, entretenimento, marketing multicultural e mercados LGBTQ +.

Charles Mardiks: Presidente

Charles Mardiks tem mais de duas décadas de experiência em comunicação de marketing estratégico e relações públicas em viagens e turismo globais. Anteriormente, ele atuou como diretor administrativo da divisão de relações públicas da MMGY Global, uma agência de marketing integrado. Ele foi cofundador da MMG Mardiks, Inc., com sede em Nova York, em 2002, uma das agências de relações públicas especializadas em viagens que mais cresce. Em 2012, MMG Mardiks fundiu-se com Ypartnership para formar MMGY Global

Antes disso, ele foi vice-presidente sênior da KWE Associates, uma agência líder de relações públicas de viagens e turismo. Ele orquestrou programas de relações públicas de construção de marca para clientes de longa data em um amplo espectro de indústrias, incluindo companhias aéreas, cruzeiros marítimos, locadoras de veículos, cartões de crédito / sistemas de pagamento, hotéis e resorts, operadoras de turismo, destinos e associações. Charles já trabalhou com clientes nos EUA, Canadá, México, Caribe, Europa, Oriente Médio, África e Ásia.

Charles foi o arquiteto por trás de campanhas digitais e de relações públicas para construção de imagens e visitação para destinos como Colorado Sarasota, Flórida, Ft. Myers / Sanibel, Flórida Portland, Oregon Alemanha e Hong Kong. Ele também gerenciou programas de relações públicas para a Hertz Midwest Airlines Rocky Mountaineer Travel Guard Insurance Hyatt Hotels and Resorts Rezidor Hotel Group Hotel Missoni Regent Hotels and Resorts Peninsula Hotel Group The May Fair Hotel, Londres e Atlantis, Bahamas, para citar alguns. Seus relacionamentos com a mídia e a indústria são vastos.

Reunindo clientes com uma ampla gama de produtos e serviços de luxo e de consumo, varejistas e influenciadores líderes, Charles tem sido fundamental na criação de muitos eventos de consumo e mídia de alto perfil, alianças estratégicas e campanhas de construção de negócios. Ele atuou como especialista em comunicações de crise e conselheiro em nome de empresas e governos em tempos de desastres naturais, terrorismo e conflito militar.

Seu trabalho foi homenageado com vários prêmios, incluindo o Hotel Sales and Marketing International (HSMAI) Adrian Award e a Public Relations Society of America (PRSA) Silver Anvil. Ele foi destaque em lojas como The New York Times, NBC News, Inc. Magazine, Huffington Post, PR Week e Notícias de RP de O'Dwyer e foi palestrante convidado em eventos do setor em todo o mundo. Ele é membro da Society of American Travel Writers (SATW) e da Association of Travel Marketing Executives (ATME). Charles é graduado pela S.I. Newhouse School of Public Communications e pela School of Management da Syracuse University.

Elisa Fershtadt: Diretora

Elisa Fershtadt é especialista em relações públicas e comunicação com a mídia, com ampla experiência em viagens e turismo.

Seus contatos de mídia de longo alcance com as principais mídias impressas, radiodifundidas e digitais levaram seus clientes a um público nacional e internacional. Histórias apareceram em The Wall Street Journal, The New York Times, TODAY Show da NBC, Good Morning America da ABC e CBS Domingo de Manhã bem como os principais blogs de turismo e agências de comércio e negócios. Seu conhecimento e cuidadosa avaliação dos principais influenciadores do estilo de vida proporcionaram parcerias de sucesso para seus clientes. Recursos de viagens de luxo apareceram em Elite Traveler, The Robb Report, Cigar Aficionado, Clubes privados, e Revista “T” do New York Times, entre outros.

Ela garantiu uma grande cobertura, incluindo histórias de capa, nas principais publicações do setor de viagens e reuniões, incluindo Travel Weekly, Agente de viagens, Consultor de viagens de luxo, reuniões e convenções e Reuniões de sucesso.

Elisa tem experiência em promoções de marketing, parcerias e colocação de produtos e comunicação de crise. As promoções de parceria e alianças estratégicas incluem Jazz at Lincoln Center, comunidade da Broadway de Nova York, ArtHamptons e "Taste of Summer" do Central Park Conservancy.

Elisa desenvolveu os planos estratégicos para contas multimilionárias, como o Conselho de Turismo da Jamaica e gerenciou atividades de mídia para o Escritório de Turismo do Governo de Mônaco, Meet Puerto Rico, Steve e Doris Colgate Offshore Sailing School, Forbes Travel Guide, Ministério do Turismo do México, Porto Rico Tourism Company, The Lee County Florida Visitor & Convention Bureau, Four Seasons Hotels & Resorts, Radisson Blu Edwardian Hotels, Regent Hotels & Resorts, The May Fair Hotel in London and the Ritz Hotel in Paris, among others.

She launched New York Sports Tours and the lifestyle division of Bedside Reading.

Lanny Grossman: Senior Associate

For the past 15 years, Lanny Grossman has specialized in public relations, luxury lifestyle marketing and consumer outreach for some of the world’s preeminent brands. From media outreach to marketing partnerships and corporate branding, Lanny applies an analytical and goal-oriented approach to creating marketing solutions for clients around the world.

He has developed and implemented campaigns for hotels, resorts and restaurants in Africa, Europe and North, South and Central America. He has also been instrumental in positioning Global Vision International (GVI) as one of the most well respected and prominent international volunteering organizations in the world.

He began his career working with notable hotel properties such as the famed Waldorf-Astoria in New York and Le Byblos Hotel in Saint-Tropez, handling U.S.-based public relations efforts on behalf of the properties. He has recently worked with Lario Hotels in Cumo, Grand Hotel via Veneto in Rome and Flemings May Fair, London.

After excelling within an agency environment, Lanny was recruited to become the director of public relations for two of America’s highest grossing and famous New York restaurants--Tavern on the Green and the Russian Tea Room. Following his time on the restaurant scene, Lanny returned to luxury hospitality as the director of public relations for the five-star New York Palace Hotel & Towers, an independent, luxury hotel in the heart of Manhattan.

Building upon his previous experience in the luxury hospitality sector, Lanny was recruited to be the director of brand communications for Small Luxury Hotels of the World (SLH), an international hotel consortium whose portfolio boasts over 520 hotels in more than 70 countries. He raised the brand’s visibility during his more than five-year tenure through high-profile media placements and effective brand affiliations.

Lanny is on the board of OneKid, OneWorld that funds schools and education projects in Kenya, He is a member of the Society of American Travel Writers (SATW), Public Relations Society of America (PRSA) and The International Spa Association (ISPA).


When travelers brave the &lsquotough sells,&rsquo it&rsquos possible everyone wins

In Egypt, the pyramids of Giza. MOHAMED HOSSAM/EPA-EFE/REX/Shutterstock

Lara Eurdolian was only weeks away from a long-planned vacation to Mexico City when a major earthquake struck there in September.

The Belmont-born world traveler considered canceling her trip, or heading to Mexico anyway and volunteering to help in some way.

“We had a lot of hesitation,’’ Eurdolian said. “We didn’t feel right about going on tours and things when people there were having a hard time.’’

But after seeing that Mexican tourism agencies had quickly whipped up the slogan “Tourism Helps Mexico,’’ she decided that the best thing to do was go.

“What they needed was money from tourism,’’ said Eurdolian, who writes a fashion, beauty, and travel blog. “I’m just glad we went ahead. The city was totally vibrant. People were very gracious, very nice.’’

At a time of natural disasters and political turmoil, an increasing number of tourism-dependent destinations have become tough sells. But travelers and industry representatives say this makes many of them cheaper and less crowded, with populations more warmly welcoming to visitors and the business they bring.

They’re also even more interesting than usual.

“Yes, tourism has gone down — mass tourism’’ — since the turbulent Arab Spring, said Manal Kelig, cofounder of Gateway to Egypt and executive director for the Middle East and North Africa of the Adventure Travel Trade Association.

“But we’re seeing an increase in interest from different types of travelers who want to come and learn about these destinations now. They are hungry for more modern than ancient history.’’


Saturday, January 21, 2006

¡El que quiere puede!

posted by La Ventanita at 3:12 PM | -->

The sound of me falling on my ass (excuse my language please) We've all covered the Stooge Curly story of how he is giving heating oil to the poor in the US through the CITGO corporation. We've all wondered what his motives are, probably trying to buy himself some support, you know, so the poor in this country start paying attention to him, his revolution, his rhetoric and worse, start believing it. The other day I read a story where it stated that the "discounted oil" (I thought it was free) would also be distributed in Rhode Island. Rhode Island? How come I have not heard of this? My husband and I live about $7k above poverty level, and received a $450.00 subsidy this year to cover heating oil costs - which mind you only went as far as December and January, thank God for the mild winter we are having. Otherwise, it would've only covered one month. The life of the student is a poor one, but we make ends meet. So I was surprised they would be giving this discounted oil and we hadn't heard anything about this, since you know, we are poor!

Well, be careful what you wish for, today we got the letter that entitles us to 250 gallons at 40% discount! See the letter !

posted by La Ventanita at 2:37 PM | -->

Cuban Baseball in Perspective

I'm not fond of covering this, as all the hoopla surrounding the Cuban Baseball team makes me sick. But for us Cuban-Americans, it's a divisive topic that tugs at our very own heartstrings and at the very fiber of feeling Cuban. We feel bad for the players, but we don't want Fidel to gain any ground. It's a classic catch 22 situation, or as we say in Spanish nos pone entre la espada y la pared. All the MSM has cared about is Cuba playing. The Cuban-American community, as well as the Cubans living in exile have been entirely ignored. But perhaps the biggest crime has been committed against the Cuban baseball players that reside in the US. Who will they play for? Why will they not be allowed to play? Where is Bud Selig and the IFB on this topic? Why will these freedom and opportunity seekers not be allowed to represent their country? The Dominicans, Venezuelans, Mexicans and Puerto Ricans playing in the MLB are allowed to go play for their country's team, why not the Cubans? So I ran into this article from New Jersey, which I publish in its entirety. The emphasis are my own. I think we should all read it, it is as close of a true factual report on the situation as we are going to get from the media. For me this article hits the nail in the head. I just found out there's more out there. The Miami Herald has a wonderful editorial from Dan Le Batard, you can read it here and I strongly suggest you do. Babalu has a post with comments from Senator Mel Martinez-R, regarding the issue of the players here .

News that Cuba will be allowed to play in the World Baseball Classic was received with mixed feelings among North Jersey's Cuban-Americans on Friday. Some welcomed the reports with nationalistic pride, yet others vowed to root for the American team.

"These things always create mixed feelings," said Remberto Perez of Tenafly. "I'm a big baseball fan, and I always want to see good baseball. But this will remind us of how these players are used by Cuba."

Perez said he doesn't expect his American friends to understand.

"In the Anglo community, they can't really see why we are not ecstatic about this, because they take the simplistic approach that it is only a baseball game," ele disse. "But [Cuban leader Fidel] Castro has always made politics out of sports, especially the baseball teams. He uses them for propaganda. So that is the part that is hurtful to us."

In Paterson, Cuban-American Marcia Sotorrio saw it a little differently.

"It's good that they will be allowed to play, because the more exposure they get to what's happening outside of Cuba, the more they see what freedom is like, the more motivated they will be to seek change in Cuba,"ela disse. "It could start a psychological revolution once they return to the miserable lives they have to live there."

Cuba's application to participate in the 16-nation tournament, which begins in Puerto Rico, had been denied in mid-December, when the U.S. Treasury Department determined that allowing the Cubans to play for money would violate the U.S. embargo against the communist-ruled island.

But after Cuba vowed to donate its profits to the victims of Hurricane Katrina, a Treasury spokeswoman announced Friday that a license had been granted for the Cuban team to participate under an agreement that "ensures that no funding will make its way into the hands of the Castro regime."

No coffee stands (this would be Las Ventanitas)of Hudson County, where Cuban baseball and politics are the main topics of discussion on any given day, Friday was especially intense. The news led to heated, arm-waving discussions. (can't you completely picture this?)

"I don't think the Cubans should be allowed to play," said Alberto Diaz, 81, of West New York.
"They don't represent Cuba. They represent repression."

Hiroland Garcia, 72, of Union City agreed. "If Cuba wins, it will not be treated as a baseball victory," he said. "Castro will say it was a victory over Yankee imperialism."

Garcia said he will root for the American team when the tournament begins in March "because I'm not for anything that would give Fidel a victory." His friend, Ruben Alvarez, 78, of Union City, said he will support any team playing against his countrymen "because I did that even when I still lived in Cuba."

Yet other Cuban-Americans on Hudson County's Bergenline Avenue said they welcomed the inclusion of the Cuban team in the baseball series. "[The United States] had to let them play because Cuba has the best players," said Angela Lopez, a waitress at El Artesano Restaurant in Union City, where the menu is as Cuban as the political discussions.

"If the Cubans didn't play it would not be a legitimate series. How could the winners call themselves champions without beating the Cubans?"

Another waiter, Ignacio Alfonso, 42, said: "We should not mix sports with politics. Let's leave that to Castro."

The Cubans should be allowed to play, said customer Felipe Gomez, "as long as they are not violating the embargo."

"Some of them will find a way to defect," Gomez added. "And once they do they will show the world that they are against that regime and that in Cuba there is a lot of talent that is suppressed."

Porque this tournament will allow the immigrant stars of American baseball to play for their respective home countries, Cuban-Americans say their own players - including some who have defected from the communist island - should also be allowed to play on the Cuban team. They don't think Castro would allow defectors on his team, but they say that should be a condition for letting Cuba participate in the tournament.(I could not agree with this statement more)

"If you want to see real Cuban baseball, without politics, let them all play together," said Perez, the New Jersey representative of the anti-Castro Cuban-American National Foundation. "I think that way a lot of us would be watching without remorse." (this is so TRUE).


Assista o vídeo: ANO NOVO EM PORTO (Janeiro 2022).